04 julho 2012

Eu Li #19 > Quando ela se foi - Harlan Coben

Como estão Pensadores?
Espero que estejam ótimos! Hoje estou trazendo uma resenha de livro disponibilizado pela editora parceira Arqueiro! Espero que gostem e se gostarem leiam!
Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 8580410118
Ano: 2011
Páginas: 256

De que valores você abriria mão para salvar alguém que ama?
Sinopse:
Um dos autores mais premiados e lidos no mundo, Harlan Coben traz uma nova história com o carismático Myron Bolitar em uma busca frenética por três continentes. Dez anos atrás, Myron Bolitar e Terese Collins fugiram juntos para uma ilha. Durante três semanas, eles se entregaram um ao outro sem pensar no amanhã. Depois disso, eles se reencontraram apenas uma vez, quando Terese ajudou Myron a salvar seu filho. E ela foi embora, sem deixar vestígios.Agora, no meio da madrugada,ela telefona:“Venha para Paris.” Terese pede a ajuda de Myron para localizar o ex-marido, Rick Collins, que telefonara depois de anos implorando que ela o encontrasse em Paris. Eles logo descobrem que Rick foi assassinado e queTerese é a principal suspeita do crime. Mas algo ainda mais atordoante é revelado: perto do corpo havia longos fios de cabelo louros e uma mancha de sangue que o exame de DNA revelou pertencer à filha do casal. Só que sua única filha morrera em um acidente de carro muitos anos antes. Logo Myron se vê perseguido nas ruas de Paris e de Londres. As agências de segurança de quatro países parecem querer as mesmas informações de que ele precisa para desvendar a morte de Rick e o destino da filha que Terese pensava ter perdido para sempre. Em uma busca desesperada, Harlan Coben cria um mundo de armadilhas imprevisíveis em que conflitos religiosos, política internacional e pesquisas genéticas se mesclam a amizade, perdão e a chance de um novo começo.

Meu Comentário:
Quando eu entrei no site da editora para escolher o livro que eu iria resenhar, me deparei com vários títulos que me chamaram muito a atenção (e eu ainda vou ler). "Quando ela se foi" me chamou a atenção, primeiramente pelo título que sugere um bom romance, apesar não ser apenas isso. Li o primeiro capítulo e de alguma forma a narrativa me prendeu.
É basicamente um romance policial, mais policial do que romance. A história é a seguinte: Myron Bolitar recebe um telefonema de Terese Colins, alguém com quem ele se envolveu e que não via haviam muitos anos, pedindo que ele vá até Paris. E então, o que fazer? Myron está em um relacionamento e ele acredita mesmo amar Ali, a sua namorada. E é defendendo o filho dela que ele se envolve na primeira encrenca do livro. Uma briga pra ser mais exata.
O primeiro que der um passo na direção deles será hospitalizado. Observem que não falei "detido", "agredido" ou tampouco "ferido". Eu disse "hospitalizado". (Fala de Win)
pág. 28 
Depois da sua decisão de ir até Paris, e de sua chegada à cidade luz, Myron vê a sua vida virar de pernas para o ar. Com a ajuda de Win, seu amigo super rico, Esperanza, sua sócia na empresa de representações, ele desvenda uma trama em que terror, mortes e ciência de misturam de forma impensável. A estada de Bolitar em Paris lhe traz amigos inicialmente inimagináveis e inimigos mais perigosos do que ele poderia supor.
Um assassinato em Paris levanta um mistério que envolve uma criança morta, uma mãe despedaçada e muitos outros pontos que só poderão ser esclarecidos com o passar de cada página...
Gostei do caráter de Myron, que me pareceu correto e diga- se de passagem até bem romântico. Win, por outro lado, me agradou pelo seu lado prático e decididamente irônico. Esperanza, que aparece mais do meio pro fim do livro, me pareceu bem amiga e esperta.
... Mas algo em sua voz me fez mudar de ideia. Algo sofrido que me abalou e me feriu. Então só apertei a mão dela e permaneci calado enquanto a observava a caminho do banho.
O livro me pegou de surpresa, já que eu nunca imaginaria o final e muito menos o que todos aqueles sinais significavam. Gostei da boa dose de mistério e dos acontecimentos que me deixaram eletrizada durante toda a leitura! A única parte que eu achei negativa foi a impressão que eu tive de que alguns fatos foram um pouco forçados. Mas depois que analisei num conjunto vi que na verdade o autor foi bastante sábio no desenvolvimento da história.
Harlan Coben é um mestre na hora de deixar você roendo as unhas. Se quiser um bom livro policial ele é um forte candidato! Enfim, como deu para perceber, gostei muito do livro e indico sim!
                           "Vire essa página..."
Comentem aí gente! Beijos*

13 comentários:

  1. Nossa, parece ser um livro ótimo, adorei sua resenha, e os trechos tb, fiquei com vontade de ler este livro.. eu nunca li nenhum livro deste autor, tenho muita curiosidade em conhecer..

    beijoss
    tem resenha nova no blog ^^
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não conheço muito do autor mais ficou tentada a ler depois da seu resenha ^^

    parabéns

    bju bju

    ResponderExcluir
  3. Oi, Luuuu!! ^^

    Que legal, eu não imaginava que esse livro era assim, policial!! A história me lembrou muito os romances de Dan Brown (que admiro demais!)


    Beijos!

    Samanta Holtz
    autora de O Pássaro

    ResponderExcluir
  4. Gosto muito de livros desse autor! Quero ler esse...mas meu tempo está muito curto. Ai...oh vida!^^ ADorei sua resenha.
    Beijocas!
    http://palomaviricio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Luana,
    vou tentar achar esse livro para ler agora nas minhas férias de verão (Portugal), parece ser interessante!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Bela resenha Lu.
    E pensar que estive a ponto de comprar este livro para ler e não fiz... rsrs Vou voltar atrás.

    Beijos! Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Fico feliz que vc tenha lido e resenhado mais um livro interessante, parabéns!!!
    Ainda não li esse, mas conheço a escrita do autor; ela é maravilhosa!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Luana, depois que li sua resenha fiquei mais curioso ainda para começar a ler este livro. muito obrigado otima semana pra vc.

    ResponderExcluir
  9. Oi flor, olha eu aquui denovo ^^

    tem meme pra vc no blog
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/
    beijoss ^^

    ResponderExcluir
  10. Oii Luah...
    Amiga... eu amo esse gênero policial de literatura, mas nunca li nada do Harlan, acredita? Tenho Quebra de Confiança que ganhei numa promo na minha estante, mas como ando numa correria só, ando só lendo livros de parceria, e mesmo assim, tentando não atrasar demais as coisas...
    Mas adorei sua resenha, e me deixou curiosa. Essas histórias do Myron já renderam muitas belas resenhas pela blogosfera. Assim que der, quero ler estas tramas todas..


    Beijoss

    TeLa - Penseira Literária

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Sou super fã do Harlan Coben!
    E sou meia suspeita pra falar de seus livros principalmente dos do personagem Myron Bolitar! Amooo esse homem, cheio de charme rs, muito bem humorado e encantador. Adoro o Win também, eles formam uma dupla e tanto, sempre cuidando um do outro!
    Parabéns pela resenha!

    Beijão
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Lu,

    Gostei muito mesmo da sua resenha, meu irmão leu A cilada do mesmo autor e devorou, tanto que até me emprestou, mas eu ainda não consegui pegar ele para ler...aff...mas com as suas palavras sobre o autor e essa obra que resenhou tenho que conhecer pelo uma história dele. E pelo que vi, depois de ler o livro que tenho vou querer ter todos do autor, inclusive esse...\o/

    Beijokas elis
    http://amagiareal.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Oii Luah,quanto tempo,fiquei um tempo sem postar mas já voltei...
    Tem post NOVO no blog!
    bjoos
    modadajuuhcastro.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá!
Deixe aqui a sua opinião sobre a postagem e sobre o blog!
Peço que não usem de palavras obscenas.
Obrigada por comentar!Bom Pensamento!!!
Voltem Sempre*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...