24 fevereiro 2012

Eu Li #9 * Ainda Não Te Disse Nada - Maurício Gomyde

Ainda Não te Disse Nada - Maurício Gomyde

Sinopse:
Edição: 1
Editora: Porto 71
ISBN: 9788591184019
Ano: 2011
Páginas: 236
"Ninguém mais escreve cartas hoje em dia", Marina pensava. Até que um dia uma caiu em suas mãos por engano e mudou o rumo de sua vida. Levou-a ao lugar que ela sempre sonhou. E a conhecer o amor do jeito que nunca imaginou, da forma mais improvável do mundo..."


Meu Comentário:
Como  falar de um livro tão delicado e apaixonante como esse? Essa foi a pergunta que me fiz ao parar e escrever essa resenha... bom, vou falar das minhas impressões sobre toda a história. Espero esclarecer um pouquinho pra vocês e atiçar a curiosidade de quem ainda não leu.

O livro conta a história de Marina, menina do interior e de família italiana. O sonho de Marina era ser uma estilista famosa, o sonho do seu Pai era que ela seguisse a carreira que era tradição na família: Ser padeira.
Não podia haver contradição maior não?
Mas Marina correu atrás do seu sonho. Foi para capital com toda a sua beleza, talento e força de vontade. Instalou-se em um pequeno apartamento, matriculou-se em uma escola de moda e foi trabalhar nos correios da grande São Paulo.
Esperei-te, desejei-te, sonhei contigo milhares de noites. Imaginei que nunca mais saberia de ti, antes de Deus dar-me o privilégio de estar para sempre ao Seu lado.
E foi assim, nos correios que tudo começou... Numa a conversa com Dona Jane, sua amiga,  o assunto surge: Alguém mais escreve cartas hoje em dia? Pra quê? Temos e-mail, mensagem de celular... para quê  escrever do próprio punho o que podia ser transcrito muito mais eficiência e recebido com maior rapidez?
Marina esquece momentaneamente o assunto, que aparece alguém para postar uma "CARTA" é... uma carta... isso impressionou a Marina... e depois de um breve encontro com a mulher da carta e de um lamentável acontecimento, Marina vê-se envolvida em uma trama cheia emoção e que ela não poderia prever ode iria parar...
Ah, a canção é linda. Vou lembrar de você as vezes em que escutá-la por aqui. E quando Lourenço cantar, saiba que sou, sim o seu olhar, da mesma forma que, a cada dia, você é um pouquinho mais o meu.
Marina tem amigas fieis que querem o seu bem, a Thaís e a Francesca ( eu adorei as duas!). São do tipo inseparáveis, quase irmãs. Me diverti bastante durante a leitura com as conversas das três. Inclusive imaginei a imaginação (isso mesmo..rsrs) do Maurício dando voltas para escrever as atitudes femininas quando estão em grupo e sozinhas... O parabenizo, ele conseguiu retratar um bom lado da amizade e dos assuntos femininos.
O curto relacionamento entre a protagonista e o seu professor Luca irá se revelar um completo desastre depois das tardes de sol... (sem spoilers) Apesar da bela aparência, o "príncipe" não é tão perfeito assim.
Quanto ao lado romance e romantismo, aguardem... o livro é um doce, repleto de palavras lindas e apaixonadas (nem gosto...rsrs). Marina é pega de surpresa por um sentimento que há muito ela esperava por sentir...  Será que alguém ainda escreve cartas? Será Fingir ser outra pessoa mesm com a intenção de fazer outra feliz vale a pena? É correto? Marina terá muitos dilemas... mas digo-lhes  uma coisa: O amor sempre trás respostas a todos eles!

Parabéns mais uma vez Maurício pelo empenho em escrever esse bela história que tive o maior gosto de ler e com toda a certeza irei reler muitas e muitas vezes! Obrigada pro nos dar a oportunidade de termos a nossa disposição um texto tão lindo, bem escrito e singelo como esse." Ainda Não Te Disse Nada" com certeza entrou para a lista dos meu preferidos! 
Não vou me prolongar mais, até porquê se eu fizer tal coisa o resultado será: VAZAMENTO EXCESSIVO DE INFORMAÇÔES.

... Largo a espera e sigo o sul. Fica forte, sê amada. Quero que saibas que ainda não te disse nada... Pede-me a paz, dou-te o mundo...
Beijos meu Queridos e até  próxima! Comentem aí!!!

6 comentários:

  1. Hey Lu, o livro parece ser realmente delicado e interessante. Me senti uma Marina, resolvi estudar uma coisa totalmente diferente do que os meus pais desejavam. Acredito que os pais tem que aprender a não querer projetar os seus sonhos nos filhos, devem deixá-los livres para escolherem o que gostam. ótima resenha. bj

    dedevaneios.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Legaaal, amei o livro, sabe , queria ter uma profissão dos sonhos assim, que nem Marina, pena que sou tão confusa! hehe Beijos // www.spiderwebs.tk

    ResponderExcluir
  3. Pela tua resenha, parece ser um livro mt interessante, uma bela história...

    bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Gostei da resenha e da intensidade da personagem! Escrever cartas na era digital é para as fortes.

    Beijos.

    Lu
    http://lucianasantarita.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá :)
    Excelente resenha :)
    Já li muitas sobre este livro..estou ansioso para lê-lo *--*

    Beijo e tenha um excelente final de semana

    www.rimasdopreto.com

    ResponderExcluir
  6. Li sua resenha,parece ser muito bom o livro,uma historia bem vonita..
    bjs
    http://modadajuuhcastro.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá!
Deixe aqui a sua opinião sobre a postagem e sobre o blog!
Peço que não usem de palavras obscenas.
Obrigada por comentar!Bom Pensamento!!!
Voltem Sempre*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...